As viagens missionárias de Paulo

As viagens missionárias de Paulo

Por Gospel Prime


As viagens missionárias de Paulo As viagens missionárias de Paulo

Na lição desta semana vamos estudar “as Viagens Missionárias do Apóstolo Paulo”. É fudamental providenciar os mapas das viagens missionárias de Paulo. Você deverá falar das cidades que o apóstolo passou e localiza-las no mapa para melhor clareza do aluno. O prezado professor vai perceber que:

Na primeira viagem missinária as igrejas na Galácia são estabelecidas (At 13 – 14). As cartas de Paulo aos Gálatas foram enviadas para estas igrejas.
Na segunda viagem, o evangelho foi levado até a Macedônia, e fundaram-se igrejas em Filipos e em Tessalônica (At 15.36 –18.22). Na Acaia, Paulo fundou a igreja em Corinto, e apresentou seus ensinos na mais alta instância filosófica do mundo ocidental: o Areópago em Atenas (At 17.19-34).
Na terceira viagem, Paulo permaneceu mais de dois anos em Éfeso, formando ali uma importante comunidade cristã (At 19). O evangelho se espalhou pela Ásia Menor, chegando a Colossos e a Laodiceia.

Quando lemos sobre as viagens missionárias do apóstolo Paulo nos capítulos 13,14,16–20 de Atos dos Apóstolos, verificamos a estratégia missionária de Paulo em torno do seguinte tripé: estabelecimento da igreja local; estabelecimento de obreiros; confirmação da Igreja.
De acordo com a pregação do apóstolo numa determinada cidade, as pessoas a aceitavam e como igreja local era estabelecida na dita cidade. Isto é patente na primeira viagem missionária do apóstolo (At 13.47-49).

Então, a necessidade de se estabelecer obreiros nativos faz com que o apóstolo oriente a igreja a eleger de “comum consentimento” os seus ministros (At 14.23).

Por fim, depois de estabelecer a igreja e os obreiros nativos, o apóstolo desenvolve uma ação fundamental nas igrejas constituídas: a confimação na fé. Na terceira viagem missionária não há estabelecimento de igrejas e nem de obreiros. Mas as visitas do apóstolo às comunidades formadas. Ele as confirma na fé. Por exemplo, na igreja de Éfeso ele fica dois anos. E os líderes desta igreja já estavam estabelecidos (At 20.17). A reunião que o apóstolo Paulo faz com os anciões da igreja dos Efésios confirma a natureza de sua viagem (At 20.17-37).

Prezado professor, conclua a lição falando da importância do ministério missionário do apóstolo Paulo para a propagação do evangelho no mundo. Diga, que o fato de conhecermos a salvação hoje, deve-se muito ao ministério que o Senhor outorgou a este apóstolo de Cristo.
Boa aula.

* As opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores
e não refletem, necessariamente, a opinião do Gospel Prime.